Escola Superior de Ciências da Saúde comemora 20 anos de história!

A Escola Superior de Ciências da Saúde (ESCS), mantida pela Fundação de Ensino e Pesquisa em Ciências da Saúde (FEPECS) completa 20 anos de história e referência no ensino superior do Distrito Federal. São duas décadas traçando uma trajetória educacional de qualidade nos cursos de Medicina e Enfermagem, Pós-Graduação e Extensão. Formando médicos, enfermeiros, especialistas, mestres e doutores, com um diferencial no apoio às atividades de pesquisa da área da saúde, no âmbito da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES/DF).

São 20 anos de uma história de sucesso, fundamentada em uma formação científica, humanista e com práticas inovadoras. Além disso, a ESCS/FEPECS tem como pressupostos a Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP), com o currículo centrado no estudante e orientado à comunidade. Os princípios pedagógicos baseiam-se em metodologias problematizadoras de ensino- aprendizagem, integração ensino-serviço e a docência realizada por servidores da SES/DF.

Em ambos os cursos, o método pedagógico ocorre nos serviços de saúde da SES/DF, que servem como cenários para a aprendizagem em uma ação coletiva, pactuada e integrada, envolvendo estudantes e docentes, com as equipes da rede de atenção à saúde. Desta forma, a inserção dos estudantes em atividades práticas desde o 1º ano, permite o contato com pacientes e a comunidade em geral, visando à formação de vínculo e a responsabilização do discente com o serviço e com os usuários.

Nesses 20 anos de existência já foram inseridos no mercado 1.104 médicos, 424 enfermeiros, 134 mestres e 12 doutores. A excelência da formação ofertada pela ESCS/FEPECS é comprovada por avaliações externas. O Curso de Medicina, por exemplo, obteve nota quatro no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE), em 2019 e o Curso de Enfermagem, segue mantendo a nota máxima desde a primeira edição do ENADE (2013).

A diretora da ESCS/FEPECS, Dra. Marta Rocha, destacou e parabenizou a Instituição pelos 20 anos de existência.

“Meu profundo agradecimento a todos do corpo acadêmico da ESCS/FEPECS nesses 20 anos de existência. Todos merecem nossas parabenizações, nosso respeito e nossa eterna gratidão. Hoje somos responsáveis pela formação acadêmica de qualidade que proporciona novas perspectivas profissionais a jovens criados no Sistema Único de Saúde, com um olhar diferenciado e centrado na pessoa e no cuidado integrado”. Ressaltou a diretora da ESCS, Dra. Marta Rocha.

Por fim, outra importante contribuição da ESCS/FEPECS para o desenvolvimento local encontra-se no campo das ações afirmativas. De acordo com a Lei Distrital nº 3.361/2004, 40% das vagas dos cursos de graduação de Medicina e Enfermagem são destinadas a estudantes egressos do ensino público.

A existência deste sistema de cotas permite o acesso de estudantes oriundos de famílias de menor renda aos cursos oferecidos pela ESCS/FEPECS, constituindo-se numa efetiva política social de acesso à formação superior e melhoria de renda de muitas famílias de menor poder econômico.

Os Programas de Residência Médica e Multiprofissional hoje abrigam 1.727 residentes em especialização em Latu-Sensu, que contribuem diretamente na assistência da população. Sendo uma forma de excelência para a formação de especialistas.