Práticas Integrativas oferecidas por servidoras da

FEPECS e do COMPP contribuem para o bem estar e equilíbrio do corpo e da mente

 

A Fundação de Ensino e Pesquisa em Ciências da Saúde (FEPECS), vinculada à Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES-DF), e o Centro de Orientação Médico-Psicopedagógica (COMPP) estão oferecendo técnicas que contribuem para o bem estar do corpo e da mente. Elas são caracterizadas como Práticas Integrativas em Saúde (PIS), tecnologias que abordam o ser em sua totalidade e integralidade. Além disso, abrangem procedimentos de sistemas médicos complexos, que enfatizam a saúde e a vida, e que resgatam valores culturais tradicionais, que estimulam o autocuidado. Estão sendo oferecidas três práticas integrativas, sendo que duas delas são o Tai Chi Chuan e o Lian Gong em 18 Terapias.

Elas são práticas corporais que fazem parte da Racionalidade da Medicina Tradicional Chinesa e são desenvolvidas por meio de movimentos lentos, suaves, contínuos e sem impacto, associados à respiração, atuando na promoção da saúde, prevenção de agravos e no auxílio de tratamentos. E a outra o Hatha Yoga, que é uma prática psicofísica da tradição indiana que trabalha o corpo através de ásanas ou posturas físicas, respiração e concentração. O objetivo maior é a integração mente/corpo gerando maior vitalidade, serenidade, harmonia e bem estar geral.

Qualquer pessoa pode participar, e é recomendado o uso de roupas confortáveis, que não limitem a movimentação do corpo durante a prática. De acordo com a facilitadora e servidora da FEPECS, Adelyany Batista dos Santos, as práticas são contraindicadas àquelas pessoas em estado descompensado de alguma doença crônica e pessoas em quadros infecciosos agudos.

“Ser facilitadora de PIS me trouxe mais clareza da importância do cuidado cotidiano da nossa saúde. É fundamental inserir nas nossas rotinas momentos para cuidar de si. Os benefícios tanto para saúde física como para saúde mental podem ser sentidos muito rapidamente.”, ressaltou Adelyany.

De acordo com a facilitadora e servidora do Compp, Dulcilene Rodrigues de Medeiros, as práticas trazem benefícios imensuráveis que promovem a diminuição do stress e das dores no corpo físico e psíquico. Entrei em contato com o Hatha Yoga aos 20 anos. Anos depois, já na SES, como profissional, tive a oportunidade de fazer o curso e dar aulas para os colegas de trabalho (em nossa unidade de saúde mental) e comunidade. A prática, nesses 8 anos, tem trazido para nós benefícios imensuráveis. É um autocuidado que promove a diminuição do estresse, tensões, conflitos, dores no corpo físico e psíquico; além de equilibrar as glândulas/sentimentos. As posturas (ou ásanas) trabalham o equilíbrio, flexibilidade, mobilidade, desintoxicação, fortalecimento, sustentação, tônus muscular, entre outros atributos impalpáveis, declarou a servidora do Compp.

 

CRONOGRAMA DAS PRÁTICAS:


As práticas acontecem de 7h às 8h no prédio da FEPECS (mezanino, próximo
à Biblioteca):


- Segunda, quarta e sexta: Hatha Yoga, facilitadora Dulce.


- Terça e quinta: Tai Chi Chuan e Lian Gong em 18 Terapias, facilitadora
Adelyany.

 

Faça sua inscrição pelo Link: https://forms.gle/gWSbUqUdPamhguUS7

Maiores informações pelo endereço eletrônico: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.